Páginas

28 de fevereiro de 2012

Dia perfeito para um mergulho!

Dias lindos de verão convidam sempre para um mergulho. Claro que meu melhor amigo não quis ficar de fora!




26 de fevereiro de 2012

Semana Santa

Agora é começar a contar os dias para curtir mais um feriado super gostoso com quem você ama!

De 05 a 08/04/12

Check in quinta a partir das 14h e check out domingo até às 16h.

R$ 750,00/Casal com gostoso e farto brunch incluído.

Pagamento -  50% na reserva e o restante pago no check out + 30d
(Não aceitamos cartões de crédito).


Olha tudo que te espera por aqui


Borboletas

Algo muito especial devia ter neste lugar próximo à uma cachoeira. Elas se deliciavam e se mostravam de vários tamanhos  e cores. Realmente um encanto!





22 de fevereiro de 2012

Final de tarde ...pede...merendinha !

Final de tarde...pede uma gostosa merendinha!

Bolo de maracujá com nozes...e a vista para deixar tudo ainda mais perfeito!





Com toda essa exuberância, essa lagarta parece mais um carro alegórico em desfile de Carnaval!




19 de fevereiro de 2012

A gente trabalha, mas também se diverte!

Ontem a animação por aqui foi muita! Blocos na rua, show, muita gente bonita e animada, brincando o Carnaval com muita tranquilidade.

Cidade do interior é tudo de bom...


À noite curtindo a animação dos foliões




O coreto da praça recebeu uma pintura super colorida ...



Mais cedo não resistimos e tomamos uma Original super gelada para matar a sede e acompanhar os preparativos da festa!

14 de fevereiro de 2012

O lugar onde vivo...

Muito bacana este trabalho abaixo. Acho importante manter viva a cultura e fazer com que os jovens cultivem a memória de onde vivem:

Este trabalho foi realizado com os alunos do 7º ano da escola , EMEF "Cônego Benedito Gomes França" em S.José do Barreiro, embasado nas atividades para a Olímpiada de Língua Portuguesa: Escrevendo o Futuro, cujo o tema era: O lugar onde vivo, em 2010.

Idealizado pelo Prof. Denilson David Monteiro, que é Professor de Português, Literaturas de Língua Portuguesa e Brasileira, Pós Graduado em Gestão Escolar e que gentilmente cedeu este material a fim de compartilhar pedaços da história da nossa pequena e charmosa cidade.

Entrevistada: Marilda Domingos da S. Ribeiro

Ela nasceu em São José do Itamonte, atualmente conhecida como Itamonte(Minas Gerais) em 3 de julho de 1927 e veio para São José do Barreiro/SP em 1933, mora na cidade faz 84 anos.

Grupo: Como era o modo de viver no passado?
Marilda: Naquela época, era muito sofrido porque o cansaço era demais, e o povo queria levantar uma cidade. Mas a vida era simples, não como hoje, que todo mundo tem o que quer. Como a vida era simples não era fácil ter sapato, roupa, escola muito preparada pra dar futuro melhor e também não tinha merenda boa, era assim: uma trazia leite, outro farinha ou angu doce etc...Tinha vez que nem merenda tinha. Na escola se faltasse com respeito era castigado a ajoelhar no milho ou apanhava. Mas não era todo mundo que podia ir à escola, porque tinha que trabalhar na lavoura para se sustentar e também sustentar a família.

Grupo: Como era o jeito de namorar?
Marilda: Na época, o jeito de namorar era se encontrando na casa dos pais. Era mais ou menos assim: um homem no sofá, o pai no meio e a mulher no outro sofá. Apenas podia falar um oi ou um tchau e não podia ter um contato físico. Se o pai ou a mãe pegasse os dois de mãos dadas ou se beijando, eles eram obrigados a casar às pressas, senão o pai encomendava sua morte, ainda mais se a filha ficasse mal falada na cidade. Mas esse era o jeito rígido de namorar na época.

Grupo: Como era o jeito de brincar e quais eram as brincadeiras?
Marilda: O jeito de brincar era simples porque as pessoas mais ricas podiam comprar bonecas de porcelana, já as pessoas pobres não tinham como comprar brinquedos para seus filhos, então seus próprios filhos faziam seus brinquedos e brincavam de brincadeiras populares como:pular amarelinha, pega-pega, anel, roda, cotia, bolinhas de gude e bonecos de pano, de palha e de madeira. Não como hoje que as pessoas passam horas jogando vídeo game e no computador.


Como era o jeito de se vestir?
Marilda: O modo de se vestir era elegante. Os homens se vestiam com terno, gravata borboleta, sapato social, bem perfumado e de chapéu ou bem penteado. Já as mulheres de vestido para baixo do joelho, meia liga, sapatilhas pretas, luvas, chapéu, guarda-sol, etc.

Grupo: Quais eram as comemorações de São José do Barreiro?

Marilda: Carnaval, Natal, Ano Novo, Festa Junina, comemorações de casamentos eram bem alegres porque o povo era unido na preparação das ruas, enfeitando com tiras coloridas.

Grupo: Quais foram as transformações ocorridas na cidade?
Marilda: As transformações na cidade aconteceram aos poucos com a chegada da luz, o calçamento da cidade, chegada de carros, chegada de médicos, chegada do trem, etc.
Grupo: Quais os lugares em que a senhora trabalhou?
Marilda: No Sítio São Miguel. A minha chegada foi com 10 anos, que caminhei muito até aqui porque vim de Itamonte, em Minas Gerais.


Grupo: Existe alguma profissão que sumiu na cidade?
Marilda: A profissão que sumiu foi a de lavadeira, que lavava para os ricos no rio.


Grupo: A senhora recorda de algum evento marcante na cidade?
Marilda: A festa de São José, padroeiro da cidade.

Grupo: Deixe uma mensagem em geral para os estudantes:

Marilda: Quero deixar que o passado está no coração de todos, mas ninguém pode negar sua origem, de um povo feliz, apesar do cansaço, que ajudou a erguer uma cidade, de um povo guerreiro.

Grupo: Mário Jorge, Jonathan Barbosa, Rauly, Cilien e Tatiele.




11 de fevereiro de 2012

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...